21 de set de 2018

198 livros: FRANÇA – Depois da rainha Victoria, Edward VII (André Maurois)

Tido como bom vivant e conquistador de mulheres, Edward VII foi o segundo filho da rainha Vitoria e do príncipe Albert, sucessor ao trono britânico. Educado para ser o melhor, Edward tinha gosto pela diplomacia, mas foi mantido pela mãe, por muito tempo, longe de qualquer compromisso com o poder. Durante o tempo do seu reinado, Edward viu ser delineado o conflito mundial que eclodiria com a Alemanha, quatro anos após sua morte.


Esse livro foi mais um achado em um dos sebos daqui de Belém. Já li uma biografia da rainha Vitória, então atiçou minha curiosidade um livro que falasse do filho que a sucedeu ao trono britânico. Talvez seja uma biografia mais valiosa até, já que pouca coisa se sabe sobre ele e seu reinado. O livro narra sua vida em ordem cronológica, e as melhores partes ficam por conta do relacionamento entre Edward e seus pais.

O livro também fala dos aspectos políticos e sociais da Inglaterra e da Europa como um todo, ressaltando seu trabalho e sua atitude em reinar de forma constitucional. Essa parte ocupa quase dois terços do livro e me deixou meio perdida, porque passava mais tempo falando dos políticos ingleses do que do rei propriamente dito, mas então percebi que o livro relata a sutileza da relação entre Edward e os políticos ao redor dele. Uma excelente leitura, que flui rápido e sem termos complicados. Recomendo.

Editora Globo Livros.
320 páginas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário