15 de jan de 2018

Lordes dos Sith (Paul S. Kemp) – DLS 2018


Título: Lordes dos Sith
Autor: Paul S. Kemp
Mês: Janeiro
Tema: Um livro de ficção científica
Editora Aleph, 346p.

Cham Syndulla e Isval são dois Twi’leks idealistas e rebeldes que lideram o movimento chamado Ryloth Livre, cujo objetivo é emancipar o planeta Ryloth da escravidão e extorsão imperial. Enquanto Cham é um militar estrategista, Isval é uma ex-escrava com desejo de vingança. Do outro lado do conflito, Moff Delian Mors é uma governante acomodada e o coronel Belkor Dray é um militar inescrupuloso, ambos se desprezam mutuamente e essa convivência forçada acaba definindo alguns acontecimentos... Quando descobrem que o imperador em pessoa com Darth Vader planejam visitar Ryloth a bordo da nave Perigo, os insurgentes tramam um ataque surpresa.

Seu dever era governar tudo aquilo. Agora percebia que a vontade manifesta da força era essa.

Foi a primeira vez que peguei um livro sobre Star Wars. Eu achava que seria um livro muito chato, tinha na cabeça que nada superaria os filmes... Não podia estar mais enganada. O livro é maravilhoso, deu mais uma visão sobre a relação entre o imperador e Darth Vader, sobre a dinâmica entre eles. Outra coisa que eu também gostei foi a forma como o autor falou da Força, e entremeou os pontos de vistas, do chanceler e Darth Vader e dos rebeldes. Aliás, Darth Vader é um personagem fascinante por si só, e apesar dos filmes mostrarem a relação entre ele e seu mestre, essa passagem mostra claramente a subserviência de um para com o outro:

[...] Por fim, Vader deu um passo em torno da fogueira e, diante do mestre, ajoelhou-se sobre uma das pernas. [...]

Os guardas imperiais me lembraram muito da guarda de Snoke no filme Star Wars Episódio VIII – o último jedi. Esse livro conta um pouco do que aconteceu entre os episódios III e IV, a “história oficial”, e vale muito a pena porque mostra, especificamente este livro, o início da ascensão de Vader. A ação é ininterrupta, você simplesmente não consegue largar o livro porque o autor prende a sua atenção com diálogos excelentes. Traições, manipulações pessoais, lutas espaciais, tudo isso entremeados por pequenos lampejos do passado de Darth Vader, quando ele era Anakin Skywalker (aliás, essas foram as MELHORES partes do livro), e sua convivência com o imperador fazem desse livro uma das melhores leituras que já fiz.

13 de jan de 2018

A alma da fera (Diana Peterfreund) – DLL 2018


Título: A alma da fera
Autora: Diana Peterfreund
Mês: Janeiro
Tema: Um livro de um autor que nasceu em Janeiro
Editora Galera Record, 350p.

Astrid Llewellyn está mais consciente e capacitada em sua missão de caçar unicórnios. Mas nem tudo está bem, mesmo com essa parte da sua vida dando certo, afinal, seu namorado vai embora de Roma para estudar em Nova York, o clausto está com cada vez mais dificuldades financeiras, algumas caçadoras inexplicavelmente estão ficando sem suas habilidades e seu sonho de virar uma cientista está cada vez mais longe. Até que um reencontro inesperado com Brandt, um ex que a largou e humilhou quando soube o que ela era, a leva a receber uma proposta tentadora: se mudar para a França e ajudar a Gordian Pharmaceuticals na busca pelo Remédio. O problema começa quando Astrid passa a questionar as motivações e métodos da empresa, assim como sua própria vida de caçadora...

O segundo livro da série Ordem da leoa é melhor do que o primeiro. Não sei se porque é o segundo, já se tem uma familiaridade com os personagens, o fato é que a história progride muito bem e prende a atenção. Toda hora fica-se esperando uma trairagem, desconfiando de que Astrid estava se enganando com Isabeau, e quando acontece, não dá nem realmente pra saber se foi engano ou traição mesmo. Li em um dia de tão ansiosa que fiquei só para lembrar que não tinha o terceiro livro em mãos. Gostei muito dos assuntos que o livro abordou (testes científicos em animais, em que ponto é válido e quando deixa de ser, preservação de espécies ameaçadas). Muito recomendado.

12 de jan de 2018

Blog planner 2018

Continuando com esse hábito que adquiri desde o início de 2017 e que me ajudou MUITO na hora de organizar meus posts e minhas leituras. Para 2018, escolhi um planner mensal não datado da Subexplicado:


Cada um dos desafios tem seu próprio insert com os temas das leituras:

Desafio Literário Skoob 2018

Desafio 12 Meses Literários 2018

Esse insert eu dei a idéia para as moderadoras do grupo e me voluntariei a fazer. Elas gostaram e ficou).

Bingo Literário

O planner literário do Desafio Literário Livreando 2018 eu sugeri para a Tâmara Nunes, ela aceitou e fez um planner muito lindo com várias divisões: meses, calendário, anotações, quotes. Ela também criou um planner geral que pode ser usado para qualquer desafio. As inscrições para o desafio já terminaram, mas quem quiser pode baixar o planner geral no blog dela.





Eu já baixei e imprimi meus planners e inserts e já estou preparada. Que comecem as leituras 2018!

10 de jan de 2018

2018, novo ano, novos desafios

Em primeiro lugar, quero desejar um Feliz Ano Novo a todos os seguidores.
Este ano eu continuo com os desafios literários, o que, aliás, já está virando tradição aqui nesse blog :) Para evitar que eu quase enlouqueça como ano passado, em 2018 serão somente 4 desafios escolhidos a dedo para adequar os livros que eu já tenho parados aqui. 

O primeiro deles é o Desafio Literário Skoob 2018, pelo facebook.


O segundo é o Desafio Literário Livreando 2018, do blog Livreando. Esse desafio eu achei por pura sorte e a dinâmica é bem interessante, mas confesso que o que me convenceu mesmo a participar foi o fato da blogueira ser paraense também.
São cinco categorias para cada mês, os participantes devem ler pelo menos 2 livros por mês e no máximo cinco se quiserem participar dos sorteios. Os temas de Janeiro a Julho já foram liberados e eu adorei.




O terceiro é o Desafio 12 meses literários, que eu também achei no facebook. Esse desafio é simples como o do Skoob, apenas um tema por mês.



Finalmente, o quarto e último desafio é o Bingo Literário, um dos primeiros desafios que achei no facebook enquanto procurava por algum que me interessasse. Gostei da proposta porque os temas são variados e você lê na ordem que quiser. Eu sorteio os livros escolhidos para cada mês pelo site Sorteador.



Também continuo esse ano com uma mania que comecei em 2017: blog planner para organizar minhas postagens no grupo. Mas isso falo em outro post.

29 de dez de 2017

Letícia e a arca dos sete poderes (Alexandre Esteréiro Nascimento) – 52 Weeks Project 2017


Título: Letícia e a arca dos sete poderes
Autor: Alexandre Esteréiro Nascimento
Mês: Dezembro
Editora Mondeglieri, 386p.

O que seria um dia comum de aula acaba em uma suspensão para Letícia graças a Angus, que reoslveu aparecer para uma visita. Na mansão da Sra. Ventríglio, ela e Laila se reencontram e leem uma carta de Nick, o amigo que ficou no reino de Naranda. A carta, de despedida, acaba levando as duas a perceberem que o ciclo temporal foi alterado, assim Nick ainda poderia ser salvo de morrer na guerra entre Atlântida e Naranda. Letícia acaba se encontrando com Lungore e aprende muitas coisas com ele, sobre magia, sobre o cajado de Nóe e sobre a Arca dos sete poderes, o lugar onde estão escondidos os outros medalhões do feiticeiro. Letícia e seus amigos embarcam em mais uma aventura perigosa e muito louca para encontrar os medalhões, e ganham novos aliados na luta contra os Necrolas, um conde vampiro e o temível Galankor.

Mais um livro da série Letícia. Confesso que esse terceiro volume não prendeu a minha atenção como os outros dois, mas eu gostei. Dessa vez, Letícia embarca em uma viagem para a famosa Arca de Noé. A descoberta da arca foi a melhor parte da leitura, no início a história se arrasta um pouco, mas depois melhora. Quero muito ler o último livro da série.