30 de mar de 2016

Doctor Who (Gareth Roberts) – DL L&T 2016



Título: Doctor Who: Shada
Autor: Gareth Roberts
Mês: Março
Tema: Sci-fi
Editora Suma de Letras, 345p.

Estamos em Cambridge, final dos anos 70. Um certo estudante de pós-gradução chamado Chris Parsons vai em direção a sala do professor Chronotis em busca de alguns livros emprestados. Um dos livros chama sua atenção, e ele não faz idéia de que o objeto, chamado “O venerável e ancestral livro das leis de Gallifrey”, está sendo procurado por Skagra. O livro é a chave para Shada, um planeta que serve de prisão para os Senhores do Tempo criminosos. Outras pessoas que também procuram o livro com o objetivo de evitar que caia nas mãos erradas é o Doutor e Romana, mas eles acabam chegando tarde demais. De posse do livro, Skagra dá início ao seu plano:

[...] Vou criar propósito e sentido. Vou salvar o universo de si mesmo, do caos.

Em palavras mais claras, Skagra, que havia concluído que Deus não existia desde pequeno, quer ele mesmo fazer com que sua mente seja a mente universal, a mente de Deus. Nessas alturas, Clare, amiga de Chris, também já estava muito envolvida em toda a confusão da busca pelo livro. Juntos, o Doutor, Romana, Chris e Clare partem para impedir que Skagra chegue em Shada e liberte o antigo criminoso Salyavin. O que Skagra não faz idéia é de que Salyavin está mais perto do que ele imagina...

Eu sou iniciante no mundo de Doctor Who. Desde o ano passado que me interessei pela série, e como acontece comigo no que se refere as séries que assisto hoje em dia, eu comecei a ver essa por pedaços (episódios aleatórios, de várias temporadas, e digo que Peter Capaldi está se tornando o meu Doutor favorito), ainda não tomei coragem para começar a ver desde 2005, mas uma hora vai :P Enfim. Soube que além da série, haviam livros, mas como eu ainda não sabia muito sobre a história e sabia que os livros eram como derivados da série, eu comprei alguns mas só queria ver depois de ver pelo menos metade das temporadas atuais, o que seria impraticável no momento, então desisti dessa idéia. Quando saiu o tema do desafio esse mês, nem precisei pensar muito. Este livro é a transformação em prosa do roteiro de um episódio da série escrito por Douglas Adams, na época do 4º Doutor e Romana II. Apesar do episódio ter sido filmado e nunca ter ido ao ar, algumas partes aparecem no especial The Five Doctors. Achei um trailer de cinema desse especial:



Curti bastante a história, me surpreendi em alguns momentos, dei boas risadas e agora estou mais ansiosa para começar a ver essa série direito. Deu pra perceber porque, desde o início, as aventuras desse Senhor do Tempo vêm encantando tantas pessoas de todo o mundo. Não levei muito tempo para ler, na verdade eu devorei o livro em dois dias (isso porque eu trabalho, senão teria sido somente em um). Recomendo o livro e recomendo a série.

Nenhum comentário:

Postar um comentário