12 de jan de 2012

Julie & Julia de Julie Powell – DL 2012



Tema: Literatura gastronômica
Mês: Janeiro de 2012 (Livro 1)
Leitura do mês: Julie & Julia
Autora: Julie Powell
Editora Record, 352 p.

Esse livro é mais uma autobiografia do que qualquer coisa. Julie Powell, vivendo o que considerava ser uma rotina “mais ou menos”, primeiro acha graça da idéia de seu marido, mas acaba fazendo o que ele sugere: criar um blog onde pudesse descrever suas experiências como cozinheira. Mas o que ela prepara não são comidas comuns, e sim as receitas de um respeitado livro gastronômico chamado Mastering the Art of French Cooking,de Julia Child, livro esse responsável por introduzir a culinária francesa no cotidiano das famílias americanas. Esse projeto, chamado Julie/Julia, consistia no preparo das receitas e a postagem no blog sobre a tarefa. O que Julie não imaginava, ao pegar o livro de receitas de sua mãe, é que a situação fosse tomar a dimensão que tomou. Seguidores foram aparecendo e comentários foram sendo feitos enquanto Julie preparava as 524 receitas do livro. Isso tudo durante um ano. Belo desafio.
Um livro engraçadíssimo, para deixar com água na boca quem quer que o leia. Não conheço muito (ou conheço quase nada) de culinária francesa (prefiro as massas italianas), mas esse livro me deu vontade de me aventurar na cozinha também (tendo certeza que o resultado seria bem duvidoso...).

Meu trecho favorito:
“Ao que tudo indica, a única evidência de que Julia Child teria inventado Potage Parmentier durante um ataque de tédio, é a sua receita para esse prato. De acordo com ela, Potage Parmentier --que não passa de um modo afrancesado de dizer sopa de batatas-- "tem cheiro bom, gosto bom e é pura simplicidade". Essa também é a primeira receita do seu primeiro livro, onde Julia diz que, caso queira, pode-se acrescentar cenouras, brócolis ou vagens, mas isso parece fora de propósito se o que se deseja é a pura simplicidade.Pura simplicidade. Parece poético, não é?”

Detalhe: eu não sabia que Julia Child realmente havia existido e muito maior foi minha surpresa quando leio, já no fim do livro, sobre sua morte (2004, quando Julie fazia sua última postagem, em 2004).
Não posso deixar de mencionar o filme, que vou assistir, é claro. Só espero que seja tão bom quanto o livro.

2 comentários:

  1. Eu vi o filme e acho que o livro deve ser muito interessante. Boa escolha.

    ResponderExcluir
  2. Fico feliz que tenha gostado da leitura. Comigo não se deu o mesmo. =(

    ResponderExcluir