15 de fev de 2017

Mulheres (Charles Bukowski) – IDY 2017


Título: Mulheres
Autor: Charles Bukowski
Mês: Fevereiro
Tema: Hot
Editora L&PM, 320p.

Henry Chinaski é um escritor cinquentão e alcoólico, a quem as mulheres não dão descanso. Irónico, “Mulheres” narra episódios da vida deste “alter-ego” de Bukowski. Cada mulher é diferente. Umas loiras, outras morenas, outras ruivas. Umas mais sedutoras e provocantes, outras mais ingénuas e discretas. Há muitas, tantas – a reserva parece não ter fim, nenhum homem consegue esgotar o lote. Quase todas bonitas, quase todas terríveis. Henry Chinaski gosta que elas existam. “Mulheres”, publicado em 1978, descreve a vida deste “alcoólico que se tornou escritor para poder ficar na cama até ao meio-dia”: as bebedeiras, as ressacas permanentes, os vómitos, as corridas de cavalo, as leituras nas universidades, as festas, as cartas de admiradoras, as esperas no aeroporto, os encontros sexuais, os dias seguintes, as rupturas, as reconciliações. Mais cerveja, mais sexo, mais mulheres. (Fonte: Skoob)

Quando vi que esse ano teria novamente esse tema em um desafio que sigo, quase tive um ataque. Eu simplesmente não suporto essas histórias, os que li até hoje foram por mera curiosidade (Cinquenta tons de cinza) e por causa de desafios literários (A bibliotecária, ano passado). As pessoas dizem que vale a pena ler de tudo, e eu concordo, você só pode criticar algo depois que conhece, e foi isso que me fez ler Cinquenta tons. Quando vi esse tema, fui pesquisar livros e achei esse. Bem recomendado no skoob, então fui na fé kkkkk Só o que posso dizer é que é um livro bem escrito, completamente diferente do que se vê nas estantes de livrarias por aí desse gênero. O autor é muito irônico, e eu gostei disso. Com toda a certeza eu não irei ler de novo, mas eu recomendo, não só pelo tom, mas também porque quem gosta do estilo, tem que ler algo verdadeiramente do gênero.

2 comentários:

  1. Este é um gênero de leitura bem controverso, mas ainda tem alguns autores que escrevem bem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não curto esse gênero, só li mesmo por causa do desafio.

      Excluir