27 de jun de 2012

Confusões em Paris (Vanessa Sueroz)


Divulgando o livro de Vanessa Sueroz,
Confusões em Paris.

"Como foi que isso tudo aconteceu mesmo? Eu nem ao menos entendi como meus pais concordaram em me dar dois dias de folga da escola. Eu sei que já tenho idade suficiente para perder aulas… Ter dezessete anos hoje em dia não é nada fácil, mas perder aula? Que graça tem ficar em casa se não posso nem entrar na internet? Alguém me explique como eu fui me meter nessa encrenca toda? Por que eu fiz isso? - Não nos olhe com essa cara Paty. Você concordou! – disse Gabriela me olhando entediada. Como não vou olhar para ela assim? Tudo deve ser culpa da Gabi. Ela que é amiga dos garotos! Essa carinha de anjo dela não me engana! - Por que não para de pensar em como aceitou e tenta se divertir um pouco? – me perguntou o César mais entediado que a própria Gabi. Como vou me divertir estando a caminho dos piores quatro dias da minha vida? Em quatro dias vão acontecer às piores coisas da minha vida. Meu Deus! Eu fui sequestrada e pelos meus melhores amigos." O sonho de todo jovem é viajar para outro país só acompanhado dos amigos. Um grupo de nove amigos consegue alguns dias de folga na escola e resolve pegar um avião rumo a Paris. A confusão começa porque não avisam Patrícia sobre a viagem e muito menos para onde estão levando a pequena ruiva. Em Paris e sem nenhum adulto por perto, os nove jovens vão aprontar muito, principalmente quando todos resolvem se juntar para fazer Ricardo e Patrícia se entenderem, o que nunca aconteceu antes. O que nove adolescentes são capazes de fazer sozinhos em um país desconhecido? (Sinopse: Skoob)

Um livro que eu classifico como “extra-classe” (aquele tipo de livro que consta na lista escolar do ensino fundamental como leitura de apoio. Ainda tenho vários), narra uma história simples e divertida. Simplesmente adoro esse tipo de leitura. Para quem quiser saber mais sobre a Vanessa e tiver interesse em comprar o livro, é só dar uma olhada no blog da autora.

Um comentário:

  1. Obrigada pela divulgação querida. Espero que goste do livro :) (mas ele não é para jovens de 11 até uns 17 anos) :)

    ResponderExcluir