21 de nov de 2011

Livros dentro de livros


A expressão “livros dentro de livros” faz referência a livros que influenciam outros livros. Na literatura, isso existe aos montes, por isso é tão fácil fazer relações entre personagens, lugares ou temas. Por isso, a eterna comparação entre grandes autores.O poema anglo-saxão Beowulf foi uma das fontes de inspiração de J.R.R. Tolkien, autor lido por J.K. Rowling,... e assim vai.
Pensando nessas relações resolvi fazer uma série de posts sobre esse assunto. Primeiramente, vou citar uma das trilogias mais fantásticas que já li: Mundo de Tinta, do qual fazem parte Coração de Tinta, Sangue de Tinta e Morte de Tinta. Em cada capítulo de cada um desses livros, existe uma epígrafe que está relacionada à situação que o capítulo conta. Dentre as obras citadas por Cornelia Funke, estão Harry Potter, O Senhor dos Anéis, a trilogia Fronteira do Universo, até uma das obras de Carlos Drummond de Andrade.


Outras coleções que fazem referência aos grandes clássicos da literatura são Clássicos da Literatura Disney e Pateta Faz História. Gibis, sim, mas não deixa de ser cultura, afinal quem nunca leu um gibi do Tio Patinhas e se divertiu com os calotes do Zé Carioca e maluquices do Pateta? Eu sempre gostei, e essas versões são tão divertidas. Cada gibi é uma paródia de determinado clássico ou de evento ou personalidade da história. Altamente recomendadas, assim como as obras parodiadas,

Como falei no post sobre ensinar literatura através da leitura de literatura, estou anotando e pesquisando sobre as obras relacionadas nestas coleções para começar as indicações de leitura.

Um comentário:

  1. Estou lendo Sangue de Tinta agora, e sempre gostei de 'livros dentro de livros'. Me lembro que descobri a minha autora preferida (Agatha Christie)) assim, lendo um livro infanto-juvenil que a citava!

    =)

    ResponderExcluir